terça-feira, novembro 14, 2006

Namaste



Ontem antes de ir ver a "Lula e a Baleia" (obrigada pela dica Bisturi, é um verdadeiro hino às famílias disfuncionais), que aconselho vivamente a verem se tiverem a possibilidade, estava a falar com uns amigos sobre música. Veiram à baila os Blasted Mechanism.. e lembrei-me de uma conversa que tive com o Amorphico a esse respeito. E pensei... o youtube, que tem tudo e mais alguma, deve ter o "famoso" excerto que me ficou na memória. Pelo espanto e pelo silêncio que deixou na plateia. E eis que tinha.

"Namaste para todos. Obrigado ao Criador. Obrigado ao planeta Terra. Obrigado ao Prof. Agostinho da Silva por nos ter ensinado que ser poeta é ser livre."

Discurso de agradecimento bonito, não é?

A propósito de Agostinho da Silva, deixo eu agora uma dica. Vejam as "Conversas Vadias", se puderem. Faz bem à alma ouvir falar alguém assim... tão grandioso.

Namaste!

3 comentários:

Anónimo disse...

Namaste a ti também!
E por lembrar Agostinho da Silva, que nos lembra dos que se esforçaram em fazer acreditar num certo império a criar; pois então talvez seja só uma curiosidade o facto de hoje (17/Nov/2006) se completarem 17 ciclos de 17 anos desde o início da construção do convento de Mafra em 1717!
Há quem diga que este tempo serviu de transição para a entrada no tal império, que seria o 5º. Se for assim, hoje somos Benvindos a este tempo/espaço de AMOR, que não precisa de nada para ser, só precisa de Ser.

D@ni3L disse...

E... Gostaste mais da Lula ou da Baleia? :P
(...)?
Beijinhoss :*

Neptuna disse...

:)

elas só apareceram as duas no final.. e muito juntinhas.. não deu para perceber de quem gostava mais.. :P